Ações da CSN
R$ 8,96 | -4,06%
19:51h | 15.04.2014
Sexta-feira, 18 de abril de 2014
Boa noite, 20h14min
 

Nova fábrica da Nissan em Resende terá investimentos de R$ 2,6 bilhões
Publicado em 09/03/2013, às 17h44
 
Última atualização em 09/03/2013, às 17h44

Empresa vai gerar investimentos e empregos na cidadeResende

Em breve, o município de Resende constará no endereço de mais uma fábrica de automóveis. Mas desta vez, são os japoneses que se fixarão no polo industrial que vem se tornando a cidade. A nova montadora é a Nissan, que está com as obras em andamento.

Solidificando um compromisso com o Brasil, a nova unidade fabril da Nissan, no Estado do Rio, iniciou a sua implantação em Resende já no primeiro trimestre de 2012. O investimento total é de cerca de R$ 2,6 bilhões, gerando com isso mais de 2 mil novos postos de trabalho diretos e mais 2 mil indiretos - se for considerado toda a cadeia de abastecimento e comunidade envolvida.

De acordo com a assessoria de comunicação da empresa, atualmente as obras estão em ritmo acelerado, algumas áreas, inclusive, já estão cobertas com telhados. O trabalho de terraplenagem já foi todo concluído e, no momento, todos os pilares de sustentação já estão montados e dentro do cronograma. A nova planta industrial está dentro de uma área de 3 milhões de metros quadrados, o equivalente a 20 estádios do Maracanã.

Ainda de acordo com as informações, o novo investimento sustenta o plano mundial de crescimento 'Nissan Power 88', cuja produção está prevista para ser iniciada no primeiro semestre do próximo ano. A capacidade de produção vai girar em torno de 200 mil unidades por ano de produtos Nissan para venda dentro do país. E a sua instalação é um passo importante na estratégia da Nissan como fabricante líder nos mercados do BRIC - que inclui Brasil, Rússia, Índia e China -, o grupo de países emergentes, ou que vem demonstrando um rápido crescimento.

Em junho de 2012, a empresa também divulgou detalhes da "Nissan Power 88", uma estratégia de médio prazo que inclui os planos de se tornar a marca asiática líder da indústria automotiva no Brasil e a quarta maior do mundo em volume de produção. A ideia é atingir com isso pelo menos 5% do mercado no país até o ano de 2016.

De acordo com Carlos Ghosn, presidente e CEO da Nissan Motor Co. Ltd, 

assim como tem ocorrido na China, Rússia e Índia, a Nissan está investindo em regiões que apresentam maior potencial de crescimento, e o Brasil tem se mostrado o motor que impulsiona o crescimento do mercado latino-americano.

- Dessa forma estamos ansiosos para contribuir para o cenário econômico brasileiro e sua indústria automotiva, no século 21 - afirmou.

Para o prefeito José Rechuan (PP), a vinda da Nissan reflete o período de crescimento e desenvolvimento, pelo qual ele acredita que o município está passando. Ele ainda citou como um dos motivos, os investimentos que a prefeitura tem feito em áreas essenciais como saúde, educação e ação social.

- É importante ressaltar que se trata de um crescimento planejado, que visa não apenas a melhoria da qualidade de vida do cidadão, mas também as leis de sustentabilidade - garantiu.

O governador Sérgio Cabral(PMDB) acredita que a vinda da Nissan orgulha o Rio, e é resultado do trabalho que, segundo ele, todo o estado está realizando para atração de empresas, consolidando a região como um polo do setor automotivo, e que gera milhares de empregos diretos. Nos próximos anos, a produção de veículos pode chegar a um milhão, se for levado em conta a duplicação das outras companhias do setor.

Investimento em Resende

O novo investimento da Nissan em todo o estado do Rio vai subsidiar a construção de uma fábrica totalmente nova na região de Resende, que foi escolhida por sua proximidade com os portos de alta qualidade de Itaguaí e da própria cidade do Rio. Foi levada em consideração ainda, a disponibilidade para início da produção em curto espaço de tempo e fácil acesso à mão de obra qualificada e fornecedores.

A futura capacidade de produção da Nissan virá para complementar a atual, de 59 mil unidades por ano, provenientes da planta industrial da Renault, localizada em São José dos Pinhais, no estado do Paraná. A unidade fabril da Nissan, no Paraná, continuará a produzir o Nissan Livina, o Grand Livina, X-Gear e o Frontier, além de expandir a produção dos modelos Renault.

Investindo na formação de mão de obra

Com o objetivo de formar operadores de produção que poderão trabalhar na nova fábrica da marca, já no início deste ano, a Nissan e o Senai de Resende criaram um curso para formar profissionais para esta área. A ideia, ao final do curso, é recrutar mais de mil pessoas e capacitá-las para o trabalho, e assim, preencher o quadro de funcionários da nova fábrica.

Para ingressar no curso, os interessados deveriam ter no mínimo 18 anos, ter o ensino fundamental completo e disponibilidade para atender os horários das aulas. Todos os interessados tiveram um prazo até o dia 15 de fevereiro para se inscrever. Estão sendo selecionadas preferencialmente pessoas que residem em Resende, Itatiaia, Quatis, Porto Real, Barra Mansa e Volta Redonda.

De acordo com o diretor de Recursos Humanos da Nissan do Brasil, Sidnei Álvares, a Nissan é uma empresa em crescimento exponencial no país. Para ele, esta nova fábrica vai ajudar ainda a ampliar mais o alcance da marca no mercado. Para esta nova fábrica, a empresa deseja atrair profissionais que queiram crescer junto com ela, e participando desse momento da empresa, por isso a capacitação.

 
Imprimir E-mail Share
 


* Nome: * E-mail:
Telefone:  
 
* Comentário:  
Declaro expressamente que li as Condições Gerais
e aceito seus termos de forma integral. 
 
   
Imprimir
E-mail
Saiba mais
 
37ª BPM
Homem é preso em flagrante por suspeita de esfaquear jovem no Paraíso
 
37º BPM
Homem é preso em flagrante por suspeita de esfaquear jovem em Resende
 
Sul Fluminense
Câmaras e prefeituras funcionarão em esquema diferenciado no feriadão
 
Obras
Trânsito de Resende será modificado
 
Copa do Brasil
Vasco vence e elimina o Resende
 
Em Resende
Resende é escolhida para capacitar municípios na área de saúde mental
 
Em São Januário
Vasco pega o Resende pela Copa do Brasil
 
Nova fábrica
Nissan aposta em retomada do crescimento
 
Home | Cidade | Política | Polícia | Economia | Mosaico | Cartas | Esportes | Diarinho | Copa Diarinho | Social | Lazer | Circuito | Decoração | Viver Melhor | Caderno TV
Veículos | Educação | Nacional | Internacional | Vídeos | Edição Digital | Cultura | Flip | Classificados | Eu, Diário | Arquivo | Fale Conosco | Newsletter | Twitter | Pesquisar | Ciência e Tecnologia | Tempo Real
© 2013 - Diário do Vale. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. Termos de uso.