Ações da CSN
R$ 8,96 | -4,06%
19:51h | 15.04.2014
Domingo, 20 de abril de 2014
Boa noite, 22h59min
 

Enem na Costa Verde: Angra tem as 11 primeiras colocadas
Publicado em 13/09/2011, às 21h35
 
Última atualização em 13/09/2011, às 21h35

Costa Verde

A listagem das médias obtidas pelos alunos de cada escola no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) revela que Angra dos Reis abriga as onze primeiras colocadas entre as 21 escolas da Costa Verde que obtiveram médias totais. A melhor média entre as escolas da região (691,85) ficou com o Colégio Osvaldo Afonso, seguido de perto pelo Colégio Naval (688,73).

Entre as 10 escolas que tiveram as melhores médias, seis são privadas (Colégio Osvaldo Afonso, em primeiro, Colégio Jean Piaget em terceiro, Centro Educacional Dinâmico, em quarto, Educar Cooperativa Educacional de Angra dos Reis em quinto, Colégio Sodré Miranda, em sexto, e Centro Educacional Inacio Medeiros, em nono) e quatro são públicas (Colégio Naval, em segundo, Colégio Estadual Roberto Montenegro, em sétimo, Colégio Estadual Leopoldo Américo Miguez de Mello, em oitavo, e Ciep Charles Dickens em décimo.

A cidade tem 16 das 21 escolas com melhores médias. Além das dez primeiras, listadas acima, aparecem também mais seis escolas públicas (Colégio Estadual Conde Pereira Carneiro, em 11º, Colégio Estadual Doutor Artur Vargas, em 14º, Colégio Estadual Antonio Dias Lima, em 16º, Colégio Estadual Nazira Salomão, em 17º, Colégio Estadual Honorio Lima 1, em 19º, e Ciep Alberto da Veiga Guignard, em 21º.

A primeira escola de fora de Angra dos Reis a aparecer na listagem é o Colégio Estadual Almirante Álvaro Alberto, de Paraty, em 12º lugar;  a cidade tem também na lista o 15º colocado, Ciep DOM Pedro D'Alcantara de Bragança Primeiro Imperador do Brasil e o 18º, Colégio Estadual Engenheiro Mario Moura Brasil do Amaral.

Mangaratiba tem duas escolas na listagem: o Colégio Estadual Montebello Bondim, em 13º, e o Colégio Estadual João Paulo II, em 20º.

O DIÁRIO DO VALE ouviu os diretores das escolas com melhor colocação em Angra dos Reis e Mangaratiba. Irineide Afonso de Oliveira Faria, diretora do Cosaf (Colégio Osvaldo Afonso), de Angra dos Reis, atribuiu a primeira colocação na cidade - e na região - aos alunos.

- A nossa classificação no Enem é mérito dos alunos, que são comprometidos com os estudos. Eles tiveram a colaboração dos professores que tem um comprometimento com a educação. Foi muito gratificante para nós, ficarmos na 91ª colocação em todo o Brasil, e na 4ª no tema redação. O grupo de alunos que participou do Enem, possui estudantes que iniciaram a vida educacional, em nosso colégio -  disse ela.

O diretor adjunto do Colégio Estadual Montebello Bondin, de Mangaratiba, Jurandir Félix , afirmou que os professores conscientizaram os alunos sobre a importância da prova:

- Incentivamos os alunos a levar a sério os testes, não temos carência de professores, e estamos de acordo com as cotas estabelecidas pela secretaria de Educação. Temo um grupo de trabalho com a comunidade e parcerias que tem dado certo. Todos os alunos foram conscientizados sobre a importância do Enem  -  disse.

Karyn Silva Lima, diretora do CE Almirante Ávaro Alberto, disse que só poderia conceder algum depoimento, após autorização da secretaria de Educação. Ela afirmou que gostaria de comentar sobre a colocação do colégio no ranking do Enem. Mas acrescentou que isso não seria possível nesta terça-feira.

Confira as médias das escolas da Costa Verde

Posição

Município

Escola

Rede

Média

 

1

Angra dos Reis

Colégio Osvaldo Afonso

Privada

691,85

 

2

Angra dos Reis

Colegio Naval

Pública

688,73

 

3

Angra dos Reis

Col Jean Piaget

 

Privada

655,7

 

4

Angra dos Reis

Centro Educ Dinamico

Privada

633,3

 

5

Angra dos Reis

Educar Coop Educ de Angra dos Reis

Privada

631,31

 

6

Angra dos Reis

Colegio Sodre Miranda

Privada

604,96

 

7

Angra dos Reis

CE Roberto Montenegro

Publica

587,96

 

8

Angra dos Reis

CE Leopoldo Americo Miguez de Mello

Publica

580,52

 

9

Angra dos Reis

Ceim Centro Educacional Inacio Medeiros

Privada

573,78

 

10

Angra dos Reis

Ciep Charles Dickens

Publica

569,93

 

11

Angra dos Reis

CE Conde Pereira Carneiro

Publica

564,77

 

12

Paraty

CE Almirante Alvaro Alberto

Publica

560,47

 

13

Mangaratiba

CE Montebello Bondim

Publica

552,05

 

14

Angra dos Reis

CE Doutor Artur Vargas

Publica

548,99

 

15

Paraty

Ciep Dom Pedro D’Alcantara de Bragança Primeiro Imperador do Brasil

Publica

541,28

 

16

Angra dos Reis

CE Antonio Dias Lima

Publica

540,58

 

17

Angra dos Reis

CE Nazira Salomao

Publica

538,67

 

18

Paraty

CE Engenheiro Mario Moura Brasil do Amaral

Publica

528,83

 

19

Angra dos Reis

CE Honorio Lima 1

Publica

524,49

 

20

Mangaratiba

CE Joao Paulo II

Publica

519,64

 

21

Angra dos Reis

Ciep Alberto da Veiga Guignard

Publica

489,09

 

Só uma escola da região fica abaixo da média

Das 21 escolas da Costa Verde que participaram no Enem, só uma ficou com média abaixo da nacional, que foi de 511,21 pontos.  Foi o Ciep Alberto da Veiga Guignard, de Angra dos Reis, que teve 489,09.

Dos 1 milhão de estudantes que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2010, 47,02% tiveram nota igual ou acima da média nacional na prova objetiva, que foi 511, 21 pontos. Esse percentual é superior ao registrado em 2009, quando 44,55% superaram a nota média, segundo dados do Ministério da Educação (MEC).

Entre 2009 e 2010, a nota dos concluintes do ensino médio cresceu 10 pontos no Enem. O MEC divulgou anteontem as notas das 23 mil escolas que participaram da avaliação no ano passado. O resultado mostra que 63% das escolas, na maioria públicas, apresentaram resultado médio abaixo dos 511,21 pontos.

Mas, na avaliação do ministro da Educação, Fernando Haddad, o desempenho da rede pública melhorou, já que elas são responsáveis por 88% das matrículas do ensino médio no país. Segundo ele, os colégios privados não poderiam ter sido responsáveis, de forma isolada, pela elevação da média. "Dizer que um percentual de escolas está abaixo da média não faz sentido porque não é uma medida importante para análise da desigualdade educacional", defendeu.

Segundo Haddad, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) irá calcular agora a dispersão das notas: se o número de escolas que se aproximam da média aumentou ou diminuiu. "A média pode aumentar e a desigualdade também. Essa análise ainda não foi feita", explicou.

Entre as 20 escolas que atingiram as melhores notas, considerando as provas objetivas e a redação, apenas uma é pública: Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Viçosa (UFV) com 726,42 pontos. A lista leva em consideração apenas as escolas que tiveram taxa de participação no Enem superior a 75%. Os alunos com melhor desempenho foram os do Colégio São Bento, no Rio de Janeiro, com 761 pontos (250 pontos acima da média nacional).

 
Imprimir E-mail Share
 


* Nome: * E-mail:
Telefone:  
 
* Comentário:  
Declaro expressamente que li as Condições Gerais
e aceito seus termos de forma integral. 
 
   
Imprimir
E-mail
Saiba mais
 
Saúde
Municípios da Costa Verde recebem oito vans para transporte de pacientes
 
Educação
Enem deve ser aplicado dias 8 e 9 de novembro, diz Inep
 
Educação Básica
Aumenta número de inscritos em exame para certificar adultos
 
Operação
Ações contra ônibus clandestinos já rendem frutos na Costa Verde
 
Paraty
Professores da rede municipal participarão do Projeto Incluir Brincando
 
Educação
Termina hoje prazo para matrículas da segunda chamada do Sisu
 
Costa Verde
Estiagem compromete abastecimento de água em Angra dos Reis
 
Educação
Resultado da segunda chamada do Sisu será divulgado hoje
 
Home | Cidade | Política | Polícia | Economia | Mosaico | Cartas | Esportes | Diarinho | Copa Diarinho | Social | Lazer | Circuito | Decoração | Viver Melhor | Caderno TV
Veículos | Educação | Nacional | Internacional | Vídeos | Edição Digital | Cultura | Flip | Classificados | Eu, Diário | Arquivo | Fale Conosco | Newsletter | Twitter | Pesquisar | Ciência e Tecnologia | Tempo Real
© 2013 - Diário do Vale. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. Termos de uso.